No futebol, coisas boas foram se perdendo com o tempo. O “Clássico dos Milhões” parece ser uma delas.

Flamengo e Vasco é conhecido como o “clássico dos milhões”. Título recebido por serem detentores de grandes públicos e conseqüentemente rendas milionárias. Noutros tempos em que além de bons jogadores, não foram poucas as vezes que neste cotejo podê-se ver multidões, superior a 140 mil pessoas. É sabido que devido as inúmeras reformas no estádio, fizeram com que sua capacidade diminuísse a ponto que no momento, a capacidade limite é de 80 mil espectadores, sendo que a quantidade de ingressos disponibilizados é pouco menos de 76 mil, metade de outrora.

A cada ano que passa, os públicos de todos os clássicos carioca tem piorado, com raras exceções. Apesar das Inúmeras variáveis a serem elencadas como: falta de segurança, Pay-per-view… Entretanto, certamente nada supera o fator preço dos ingressos. É bem ruim ver um jogo desse tamanho, com menos de 17 mil presentes. Cartolas não demonstram estarem preocupados com a falta de torcedores, e nem a emissora detentora dos direitos de transmissão. O produto (Campeonato) em questão, merecia um melhor tratamento.

Dos 4 clubes, o Flamengo é o que cobra mais caro pelas entradas. No caso de hoje, teve mando do Vasco e ainda assim os preços variaram entre 80 a 250 reais. Caríssimos! Diretoria rubro-negra tem feito muitas coisas positivas, porém erra ao manter a política de de custo dos ingressos, totalmente fora da realidade da maioria. (O Sócio-Torcedor flamenguista ajuda mais o clube do que a quem adquire). Inclusive, é um jogo que reúne duas torcidas com grande contingente de pessoas de classe social C e D.

Infelizmente, num domingo ensolarado no Rio de Janeiro e propício para um Maracanã lotado com torcida de verdade, o que vimos, foi um clássico sem bandeiras e sem torcedores que realmente podem interferir no rumo de uma partida. No futebol, coisas simples e boas foram se perdendo com o tempo. O “Clássico dos Milhões” parece ser uma delas. Que pena.

Torcedores manifestam contra o racismo. Público baixo no Vasco e Flamengo. Menos de 17 mil pessoas estiveram no Maracanã.

Esta entrada foi publicada em Futebol brasileiro. Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>